Blogue

Efemérides de 2023 – Há 280 anos (1743) - Breve do Papa Bento XIV atribuída à Capela do Camelo

Não se sabe ao certo a data da construção da capela do Camelo, edificada em honra de Nossa Senhora do Amparo, ou de Santa Maria das Neves, como também é designada. Kalidás Barreto na Monografia do concelho de Castanheira de Pera faz referência ao ano de 1721...

Não se sabe ao certo a data da construção da capela do Camelo, edificada em honra de Nossa Senhora do Amparo, ou de Santa Maria das Neves, como também é designada. Kalidás Barreto na Monografia do concelho de Castanheira de Pera faz referência ao ano de 1721, ano em que há notícia da existência deste templo, numa acta de 30 de Abril desse ano, escrita pelo pároco do Coentral, Manuel Barata de Andrade, em resposta a um questionário eclesiástico.

A esta capela foi atribuída no ano de 1743, pelo Papa Bento XIV, uma Breve a conceder indulgências e remissão dos pecados aos fiéis que a visitarem nos dias da festa de Santa Maria das Neves.

O Manual das Indulgências, aprovado pelo Papa São Paulo VI, na Constituição das Indulgências (1967), explica que “Indulgência é a remissão, diante de Deus, da pena temporal devida aos pecados já perdoados quanto à culpa, que o fiel, devidamente disposto e em certas e determinadas condições, alcança por meio da Igreja, a qual, como dispensadora da redenção, distribui e aplica, com autoridade, o tesouro das satisfações de Cristo e dos Santos”. A indulgência plenária cancela todas as penas temporais que a alma teria de cumprir no purgatório para chegar à santificação perfeita.

Uma forma de se ganhar uma indulgência plenária, passa por fazer: uma confissão individual; receber a Sagrada Eucaristia (Comungar); e, visitar um santuário a quem tenha sido dada essa Graça, pelo Papa, nas condições em que ela foi atribuída a esse local sagrado.

Reproduz-se, de seguida, a tradução da Breve de Indulgência Plenária atribuída à Capela do Camelo.

Capela do Camelo

 

(In: Livro “COENTRAL-História, usos, costumes e tradições”, pag. 132 a 134)

Image

Este e outros temas são abordados no livro Coentral – História, Usos, Costumes e Tradições.

Para adquirir um exemplar do livro, contacte-nos.

Promotores da iniciativa

cirucrf-neveiros-coentral